A jornada desta sexta-feira na bolsa de mercadorias na China foi marcada pela valorização dos preços dos contratos futuros do minério de ferro. O ativo de maior liquidez, para maio deste ano, teve avanço de 3,23%, encerrando assim o dia a 511,00 iuanes por tonelada, o que representa um avanço diário de 16 iuanes.

Investing.com Brasil – Com Reuters.

04/01/2019

A sessão também foi positiva no caso dos ativos do vergalhão de aço, transacionados na também chinesa bolsa de mercadorias de Xangai. O contrato com maior volume de negócios, para o mês de maio, registrou ganhos de 66 iuanes para um total de 3.486 iuanes por tonelada. O segundo mais negociado, para janeiro, somou 15 iuanes, para um total de 3.866 iuanes.

O setor de serviços da China ampliou sua expansão sólida em dezembro, oferecendo alívio para a economia em desaceleração, mostrou nesta sexta-feira a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) do Caixin/Markit

O PMI de serviços do Caixin/Markit subiu para a máxima de seis meses de 53,9 em dezembro, de 53,8 no mês anterior e bem acima da marca de 50 que separa crescimento de contração.

Em outubro, o índice havia caído para a mínima de 13 meses.

As novas encomendas para exportação subiram no ritmo mais rápido em seis meses uma vez que as empresas aceleraram os esforços para atrair as encomendas do exterior. Entretanto, o crescimento das novas encomendas totais desacelerou ligeiramente, indicando enfraquecimento da demanda doméstica.